O post sem tópico

Uma imagem de marca deste blog, quer minha quer do pteles, é dar um título descritivo aos leitores para que estes possam imediatamente a seguir dizer: << Um post sobre coisas? Ah! Deve ser fraquinho… não vou ler.>>. Por isso, decidi escrever hoje um tópico sem tópico para que os leitores digam: << Um post sem tópico? Ah! Deve ser fraquinho… não vou ler.>> (Embora esteja ciente da ironia de que ao dizer isto estou a dar um tópico ao blog… Bolas!).

Bom, têm acontecido várias coisas nas vidas dos autores e infelizmente tendem a ser coisas más, mas tento que isso não afecte outras coisas importantes, como o blog. É engraçado ver, numa retrospectiva do blog, como a nossas vidas mudam com o tempo. Se um leitor leu ou pensa em ler, mas ainda não tem a certeza porque tem uns relatórios para entregar na segunda (eu sei que hoje é segunda, mas o cliché de usar a segunda-feira atrai-me…), mas de certeza que vai considerar na quinta, consegue facilmente perceber que a natureza dos nossos posts mudou. Por exemplo, dantes, os nossos post costumavam ser sobre coisas e acontecimentos engraçados, mas agora são sobretudo sobre acontecimentos engraçados e coisas. Pode parecer que houve uma diferença muito grande, mas se virmos bem são só coisas… e acontecimentos engraçados.

Um leitor que experiencia o blog e tenta decifrar o que se passa do outro lado depressa percebe que os escritores têm um perfil psicopático e deviam ser internados num hospital psiquiátrico… Infelizmente para a sociedade, não somos altos o suficiente para sermos admitidos num, mas isso não para a nossa mente perversa (numa perspectiva de psicopática no meu caso e outro tipo de perspectiva que depressa adivinharão no caso do pteles).

Gosto de algumas coisas e não gosto de muitas (MUITAS) coisas, mas não há nada como me sentar em casa e ver o que as pessoas acharam do que nós escrevemos… É certo que no início tínhamos mais sucesso e mais pessoas a ler e comentar (lamentável a falta de assiduidade do pteles…), mas no fim de tudo, o que interessa mesmo é saber que há nem que seja uma pessoa que se preocupe em saber o que nós pensamos (nem que seja só o pteles).

5 thoughts on “O post sem tópico

    • Não, não é. Se fores ver aos nossos posts iniciais, temos alguns com 11 comentários de pessoas diferentes. Ainda para mais, em Agosto do ano passado tivemos dias com mais visitas que o mês de Julho deste ano todo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s