Teoria 001 – Provando o infinito

Bom, estive a cogitar seriamente sobre este assunto, enquanto mordiscava o meu caviar e bebia um pouco de Chardonnay: será possível provar o infinito. Claro que ao dizer “provar o infinito” não quero dizer “descobrir a que sabe” (para mim sabe a galinha), mas claro que quero dizer “provar a ancelice do nódoa”. Ora bem, se bem me recordo das aulas de filosofia: se provamos o infinito, estamos a demonstrar que não é infinito. WTF?!!! Isto significa que seria impossível determinar o quão ancel o nódoa é!!! É aqui que começa a minha teoria:

Se calcularmos a estupidez de ser normal (tipo… não sei… eu não serei, por isso…) e a medirmos em “Anceis” (Ac – curto), concluiremos que a estupidez de um ser normal está nuns saudáveis 10 Ac. Mas para calcularmos a estupidez ( e dai determinarmos a ancelice) do nódoa precisaremos de formulas. Então não faço mais nada senão ir ao google e pesquisar “random formulas”. Eis os meus resultados: entre estupidez do Exel e de VB, encontrei isto:

A=(s(s-a)(s-b)(s-c))^(1/2) onde s= (a+b+c)/2

Editado dá:

Ac (do nódoa) = (s(s-a)(s-b)(s-c))^(1/2) * -1 onde s= (a+b+c)/2 e a=b*c e b= π*c e c=10 Ac

Por isso, Ac (nódoa) = ((10+10π+20π)/2)((10+10π+20π)/2-20π)((10+10π+20π)/2-10π)((10+10π+20π)/2-10^(1/2)*-1 = 75014,51585 Ac
Ora ai está meus amigos o número mágico é: 75014,51585 Ac. Se alguém o contestar e se por a apresentar teorias para o contrapor eu só tenho uma coisa a dizer: get a f****** life.
Pois…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s